Lua Nova em Virgem

Lua Nova em Virgem

17 de setembro de 2020 às 13h00m59s, em Lisboa

Acredito que para muitos de nós e principalmente para os Virginianos, a vontade de fazer uma limpeza profunda no mundo está bem presente neste momento.

Estar em contínua arrumação interna, até mais que a arrumação externa tão caraterística de Virgem, é uma condição da qual não pode fugir. A mente dos Virginianos está sempre em processo e em autoavaliação, mas também a criar formas e fórmulas para um mundo mais justo e equitativo. 

A Lua e o Sol conjuntos no grau 25°, na 10ª casa, estão bem acompanhados para um início de ciclo cósmico e para uma dança viva e extraordinária dos planetas. Os Luminares a fazerem um Trígono a Júpiter, Saturno grau por grau e Plutão, todos no elemento Terra.

As caraterísticas deste elemento remete-nos a significados como introversão, sentido, sensação, resistência, serenidade, segurança, prático, paciência, disciplinam, persistência, rotina, produtividade, estabilidade, realização, senso de proporção e forma.

O elemento Terra tem o tipo psicológico sensação, ou seja, relacionam-se com a realidade através dos cinco sentidos, e por isso confia na aparência das coisas. O seu principal objetivo na vida é a segurança, estar sólido na realidade material. O valor das coisas é baseado na sua utilidade prática. A sua saúde e bem-estar físico são prioritários.

É um novo ciclo com um potencial incrível, todos os planetas pessoais juntos com a mesma qualidade.

A Lua Nova é um novo começo, ciclo de renovação. Em Virgem, esta energia intensifica a vontade de começar com método, rigor analítico e prático.
As intenções desta Lua Nova têm a capacidade de criarmos e concretizarmos a nossa realidade com a possibilidade da totalidade.

É muito importante ver no mapa Natal em que casa, área de vida vai ocorrer esta Lua Nova, pois é nessa área que vai ter maior impacto.

“Não queremos ser perfeitos, queremos ser inteiros.”

“Recomeça….
Se puderes
Sem angústia
E sem pressa.
E os passos que deres,
Nesse caminho duro
Do futuro
Dá-os em liberdade.
Enquanto não alcances
Não descanses.
De nenhum fruto queiras só metade.
E, nunca saciado,
Vai colhendo ilusões sucessivas no pomar.
Sempre a sonhar e vendo
O logro da aventura.
És homem, não te esqueças!
Só é tua a loucura
Onde, com lucidez, te reconheças…”

Miguel Torga TORGA, M., Diário XIII.

Um novo ciclo extraordinário para todos!
Partilhar para crescer juntos!

Aproveite este período para participar no novo Curso Online de Astrologia Psicológica Transpessoal, que terá início já na próxima terça-feira, no dia 22 de setembro, pelas 18h30. Mais informação: https://sandramcosta.pt/cursos/online/



Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *